Agricultural and Biosystems Engineering Publications

Document Type

Article

Publication Version

Published Version

Publication Date

1991

Journal or Book Title

Revista Brasileira de Sementes

Volume

13

Issue

2

First Page

91

Last Page

97

Research Focus Area(s)

Biological and Process Engineering and Technology

Abstract

Os objetivos deste trabalho foram de avaliar a eficiência da mesa de gravidade em separar sementes de milho em frações de qualidade diferente e de relacionar atributos físicos e fisiológicos das sementes para recomendações práticas de operação. Cinco lotes de sementes de milho classificados em não classificado, redondo grande, redondo pequeno, chato grande e chato pequeno foram beneficiados na mesa de gravidade. A amostra original e as frações pesada, meio-pesada, meio-leve e leve obtidas no terminal de descarga da máquina foram analisadas quanto a atributos físicos (peso volumétrico, peso, volume, densidade, pureza e danos mecânicos) e fisiológicos (germinação padrão, germinação a frio e emergência a campo) das sementes. A mesa de gravidade foi eficiente em separar as sementes de milho em frações de qualidade diferente, sendo as frações pesada e meio-pesada melhores do que a semente original. Para lotes de qualidade inicial alta, somente aumentos marginais de qualidade foram obtidos. O peso volumétrico foi o atributo que relacionou bem com germinação da semente de milho. Recomenda-se o “teste da caneca” para determinar a eficiência das regulagens na mesa de gravidade. Uma diferença mínima em peso volumétrico de 8% entre as frações extremas é recomendada para efeitos de controle de qualidade na mesa de gravidade.

Comments

This article is from Revista Brasileira de Sementes 13 (1991): 91–97. Posted with permission.

Rights

Licensed under a CC BY-NC license.

Language

pt

Date Available

2015-04-13

File Format

application/pdf

Share

COinS